Contorno Corporal

Lipoaspiração e lipoescultura: entenda a diferença

Lipoaspiracao-e-lipoescultura-entenda-a-diferenca-1.jpg

A qualidade de vida e a boa aparência têm sido as grandes preocupações nos dias de hoje e fatores determinantes para manter uma boa autoestima.

Mas, por outro lado, o excesso de peso vem atingido cada vez mais pessoas, não discriminando homens, mulheres e adolescentes, e trazendo graves riscos à saúde em geral, além de criar grande incômodo com a silhueta. Há inúmeros relatos de que a frustração com a forma do corpo tem levado pessoas a processos profundos de depressão que as impedem de viver em plenitude.

No meio disso tudo, a medicina encontra caminhos que auxiliam na correção das mazelas do físico e, consequentemente, melhoram o estado emocional.

A lipoaspiração e a lipoescultura são dois desses caminhos. E, ao contrário do que muita gente pensa, são procedimentos distintos um do outro.

Diferenças dos procedimentos

A lipoaspiração é um procedimento de cirurgia plástica que faz a sucção de gordura localizada em diferentes regiões do corpo – abdômen, coxas, glúteos, culotes, braços, pernas, costas, peito, etc. O procedimento é feito pela introdução de cânulas finas no corpo, por meio de pequenas incisões.

Já a lipoescultura também consiste na retirada de gordura corporal, com a diferença de que o que for retirado é usado para ser enxertado em outras partes do corpo. Por exemplo, a gordura retirada do abdômen pode ser usada para aumentar o bumbum ou preencher os sulcos do rosto.

Como a gordura reaplicada é proveniente do próprio corpo do paciente, a probabilidade de rejeição é mínima. Com a utilização de refinamentos técnicos, hoje, a maior parte da gordura aplicada na região receptora se integra e permanece, apenas uma pequena parte é reabsorvida.

Em resumo: o objetivo da lipoaspiração é a retirada de gordura de determinados locais; já o da lipoescultura, é melhorar as formas e contornos, por meio de enxerto da gordura já extraída de regiões indesejadas.

As técnicas estão indicadas para quem está com o peso em dia, com firmeza e elasticidade na pele e sem flacidez.

Em ambos os procedimentos, o objetivo não é emagrecer, e sim melhorar o contorno corporal. Se a necessidade é só perder peso, a pessoa precisa ter uma dieta alimentar equilibrada e manter uma rotina saudável de exercícios.

Deixe uma resposta