Cirurgia plásticaCirurgias associadasPlástica de Pálpebras

Cirurgia plástica – cuidados ao escolher o profissional

De novembro 14, 2017Sem Comentários

Cuidados na escolha do seu cirurgião plástico

Quando cogitamos a possibilidade de utilizar os recursos da medicina para corrigir algum problema estético que nos aflige, devemos tomar alguns cuidados na escolha do profissional correto, o cirurgião plástico.

Normalmente partimos de indicações de parentes e amigos que foram atendidos por um bom profissional, tiveram bons resultados e podem recomendar. Quanto mais indicações positivas, melhor.

Após isso, devemos nos certificar que o profissional em questão é de fato um cirurgião plástico – e não um médico de outra área que se propõe a realizar procedimentos estéticos sem ter o preparo adequado para isso.

O cirurgião plástico após seis anos da faculdade de Medicina, passa por um treinamento de dois anos em cirurgia geral que o prepara para se habilitar em residência de cirurgia plástica, que tomará mais três anos de estudo.

Ao todo, são onze anos de preparo.

A maneira mais prática de se fazer esta consulta é acessar o site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e verificar se o cirurgião é um membro associado ou titular, que são as duas categorias de especialistas.

Ser especialista não assegura a experiência e nem o talento do profissional, mas pelo menos indica que ele teve uma formação adequada. Durante a consulta, o profissional deve escutar com atenção as queixas e os anseios do paciente, e após um exame adequado, explicar os pormenores pré operatórios , onde ficarão as cicatrizes, as limitações da técnica, o que o paciente pode esperar e eventuais complicações que podem sobrevir.

Todas essas informações farão com que o paciente se sinta mais seguro para tomar a decisão correta. Se neste contato inicial não houver empatia, o paciente deve procurar outro profissional.  

Uma cirurgia plástica implica em um relacionamento de vários meses com o seu médico. Por isso, é importante que o paciente se sinta confiante, seguro e acolhido, inclusive para superar alguma dificuldade que sobrevenha no pós operatório.

Desconfie de médicos que cobram valores muito baixos pelos procedimentos. Bons profissionais investem o tempo todo na sua profissão, se utilizam dos melhores equipamentos e materiais, e procuram se cercar de auxiliares e de anestesistas de grande competência.

Tudo isso tem um valor.

A cirurgia plástica pode ser um caminho para que levemos nossa vida com mais plenitude e felicidade, porém, devemos encará-la como algo definitivo. E a escolha do cirurgião plástico é um elemento fundamental para o sucesso.

{{cta(‘698669e8-bf55-4199-9706-4946ab3bab70’)}}

Deixe uma resposta